Por que não há terremotos e tsunamis no Brasil?

Com o apocalipse chegando mais cedo do outro lado do mundo, muita gente anda se perguntando: pode acontecer algo parecido no Brasil?

A resposta é: não é impossível, mas é muuuiiiittto difícil.

A questão é a seguinte: terremotos normalmente só acontecem nas fronteiras das placas tectônicas. As placas tectônicas são grandes formações rochosas que “flutuam” sobre o magma da Terra. E, sobre elas, está a crosta terrestre: mares, continentes e tudo mais pode onde a gente anda. Abaixo você pode ver uma imagem de todas as elas e onde elas se encontram:

O problema acontece quando as placas tectônicas se movimentam e se “chocam”: batem uma na outra; uma sobe a outra desce, e etc. Quando isso acontece, pode esperar: lá vem terremoto. Veja abaixo um esquema do encontro das placas:

O Brasil, abençoado por Deus, está bem no meio da placa sul-americana. O limite mais próximo com outra placa tectônica fica no meio do Atlântico, junto com a placa africana. Mas, ao do contrário do que acontece com boa parte das placas, as tectônicas da América do Sul e da África estão se afastando. Quer dizer, a chance de elas se “abalroarem” é mínima.

Já o Japão, coitado, está em cima da interseção de três placas, todas ativas, todas batendo-se umas nas outras. Não por acaso, 1 em cada 5 terremotos com escala Richter acima de 6 acontece por lá.

E são dos terremotos no mar que surge a maior parte dos tsunamis. Pra quem leu o post sobre a dinâmica deles, pôde ver que os tsunamis são a energia do terremoto no meio do mar trazida ao mar em forma de ondas. Sem terremoto, sem tsunami.

Quer dizer que estamos salvos?

Mais ou menos.

De fato, a maioria dos terremotos ocorre na interseção de placas tectônicas. Mas alguns deles podem ocorrer no “meio” das placas, devido a alguma falha geológica ou aquilo a que os geólogos chama de “acomodação de terreno”. Para nossa sorte, esses sismos são bem mais leves do que os que ocorrem na interseção de placas. E, como ocorrem “no meio” da placa, e não no mar, não têm capacidade de gerar tsunamis.

“Estamos livres de tsunamis, então?”

Em princípio, sim. Mas há um porém.

Não são só os terremotos que provocam tsunamis. Deslocamentos grandes de terra no mar também podem fazer com que isso aconteça. É mais ou menos o que acontece se você jogar uma pedra na piscina: você vai gerar uma pequena tsunami, mas a origem dela não é o fundo da piscina, mas a massa que você lançou à água.

No caso brasileiro, um tsunami pode ocorrer caso um vulcão chamado Cumbre Vieja, localizado na ilha de La Palma, nas Canárias, entre em erupção. Com intervalo de atividade de 250 anos (a última erupção foi no século XVIII), alguns cientistas acreditam que as fissuras existentes na montanha possam “rachá-la” ao meio no caso de uma nova erupção. Se isso acontecer, uma gigantesca massa de terra e rochas seria jogada no meditarrâneo, provocando um tsunami que atingiria toda a costa do Nordeste brasileiro acima da Paraíba, não sem antes arrasar Fernando de Noronha.

Mas a ocorrência de mortes tenderia a ser mínima. Isso porque, por causa da distância, a onda demoraria seis horas pra chegar até aqui. Tempo suficiente pra evacuar a população do litoral e impedir uma tragédia semelhantes à japonesa.

Anúncios
Esse post foi publicado em Ciências. Bookmark o link permanente.

33 respostas para Por que não há terremotos e tsunamis no Brasil?

  1. Chrystiane Pessoa disse:

    Poxa… logo na Paraíba??? Não tem um lugar melhorzinho pra essa onda ir não???
    Adorei o Post!!!

  2. Caroline disse:

    É… Temos muita violência mas pelo menos quase nenhum ou nenhum terremoto ! Hehe

  3. Ariel disse:

    Porque Deus teve pena da gente !

  4. julio disse:

    é o brasil tem muita sorte eheheh inda bem deus abençol a nossa terra

  5. julia fernanda disse:

    ainda bem q ñ existe terremoto aqui no brasil

  6. Jefferson de Oliveira disse:

    Como se Deus existisse mesmo !

    Teve terremoto em Montes Claros

  7. rafaela souza disse:

    pow ,to livre disso ja que sou mineira,kk,que sorte,o poir e que pode ter um terremoto ,so que isso e quase impossivel

  8. Karina soares disse:

    sorte q eu ñ moro perto de Paraíba…..
    ufa….hehehe

  9. YASMIN disse:

    Gente peçam a Deus para nunca ter invez de criticar ele por favor vamos rezar pelo Brasil…

  10. EU ACHOQUE NO BRASIL PODERÁ OCORRER TERREMOTOS SIM, AS VEZES PENSO QUE É UMA QUESTÃO DE TEMPO, POIS NÃO SOMOS MELHORES QUE OUTRAS NAÇÕES. PENSO QUE O PIOR ESTÁ POR VIR. QUEM GARANTE ?

  11. Carol Cramer disse:

    Amei o post…
    Eu moro na capital do RS… há alguma chance de, no caso de um tsunami ou terremoto acontecer, atingir minha terra?
    E no caso do vulcão.. Quando ele poderá entrar em erupção novamente?
    Eu estou muuuito ligada com isso!
    Vi muitos vídeos do tsunami em 2004 e o filme também… faz mais de 1 ano que não paro de pensar nisso.
    Parabéns! Adorei o post 😉

    • arthurmaximus disse:

      Obrigado, Carol. É muito improvável que algum terremoto ou tsunami atinja o Rio Grande. Além do fato de estar no Brasil, naturalmente imune a esse tipo de eventos, mesmo fatores externos – como a eurpção do Cumbre Vieja – dificilmente alcançariam Porto Alegre. O mais provável é que ele atingisse somente o Nordeste, mesmo. Vocês, pelo menos até agora, não têm com o que se preocupar. Um abraço.

  12. dalvinha disse:

    gosteiii do seu post me ajudou muiiiito em um trabalho q tenho q fazer rs obg…ainda beem q por enquantos estamos em munis desse desastre natural

  13. isabelle disse:

    Oi moro no rio é provável ter uma coisa dessas aqui?

    • arthurmaximus disse:

      É muito improvável, Isabelle. O Rio, assim como todo o litoral brasileiro, está longe de qualquer área de atrito entre placas tectônicas. Nesse caso, como em vários outros, o país foi abençoado. Um abraço.

  14. Achei muito da hora gostei muito

  15. teus disse:

    oi moro em Santos, algo desse tipo pode ocorrer aqui ?

  16. Isllany disse:

    Moro na paraiba corro algum risco de um tsunami. .?

  17. Manoel Messias dos Santos disse:

    sou agradecido pelas importantissimas informações.

  18. douglas disse:

    me desculpe a observação, mas acho que você enganou com o nome do mar, pois como tal onda de energia sairia do mar mediterrâneo, atravessaria o atlântico e atingiria a costa brasileira?

  19. Achei interessante o fato das placas tectônicas da América do Sul e da África estarem se afastando. Se elas estão se afastando, uma grande fenda aberta deve estar se formando entre elas. Como a natureza vai impedir que magma do centro da Terra emerja desta fenda?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s