Despontando para o anonimato: Semana Especial de Aniversário – Prêmio William Forrester de Literatura

Começando os festejos da semana especial de aniversário da seção mais nostálgica deste espaço, vamos sair um pouco da rotina e recordar não one hit wonders da música, mas one hit wonders da Literatura.

Para esse efeito, será implantada nesta semana o ranking do Prêmio William Forrester. Àqueles que não pegaram a referência, William Forrester é uma personagem fictícia que estrela o filme Encontrando Forrester (Finding Forrester, no original). Encarnado por um soberbo Sean Connery, o filme conta a história de um autor recluso, autor do melhor romance do Século XX, mas que, curiosamente, fechou-se em copas e não publicou mais nada depois disso. Abaixo, o trailer da película:

Começando a contagem regressiva do Top 5, vamos recordar um escritor que fez sucesso tanto nas páginas dos livros quanto nas telas do cinema. Sim, estamos falando dele mesmo: Boris Pasternak.

Boris Pasternak

Russo de Moscou, Pasternak fazia muito sucesso na Mãe-Rússia como poeta. Mas foi com seu único romance que Boris fez sucesso mundialmente. O livro em questão é nada mais, nada menos, do que Dr. Jivago.

Dr. Jivago

Contando a história de um médico dividido entre o amor de duas mulheres no auge da Revolução Bolchevique, Dr. Jivago capturou mentes e corações mundo afora, a ponto de o cinema britânico ter encarado o desafio de encenar um romance russo na telona em plena Guerra Fria.

A aposta revelou-se certeira. O filme alcançou a impressionante marca de 10 indicações no Oscar, levando de volta pra casa cinco estatuetas. Destaque, ainda, para a interpretação de Omar Sharif no papel principal que nem sequer foi indicado ao Oscar, mas ganhou o Globo de Ouro por sua magnífica interpretação. Abaixo, o trailer:

Seja como for, o fato é que, depois de Dr. Jivago, Boris Pasternak não escreveu mais nenhum romance. E, embora tivesse escrito outros antes deste, nenhum jamais alcançou um décimo da fama de sua obra-prima.

Fazer o quê?

 

 

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Despontando para o anonimato e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.