Despontando para o anonimato

Se a semana passada foi dedicada aos one hit wonders cheirando a leite, nesta vamos mergulhar no baú da memória para resgatar alguns dos hits mais empoeirados de todos os tempos.

Pra começar, vamos ao early sixties relembrar o simpático Hugh Masekela, com seu indefectível trompete, tocando a agradável Grazing in the grass.

Pena que, depois dela, o cara nunca mais produziu um hit próprio, limitando-se a acompanhar seus outros colegas jazzistas.

Fazer o quê?

Esse post foi publicado em Despontando para o anonimato e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.