Despontando para o anonimato

Começando e encerrando esta semana entrecortada pelo Carnaval, vamos recordar apenas um único hit na seção mais naftalina deste espaço.

Para não desapontar os que gostam de velharias, vamos a um verdadeiro clássico dos crazy seventies.

Porque não havia discoteca na qual não tocasse Got to be real para o povo dançar.

De Cheryl Lynn, porém, nunca mais se ouviu falar.

Coisas de uma década muito louca…

Anúncios
Esse post foi publicado em Despontando para o anonimato e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s