Despontando para o anonimato

Saindo um pouco dos anos 80, vamos para a década seguinte.

E eis que nos aparece uma daqueles hitzinhos básicos do early nineties.

No vocal e violão, um sujeito chamado despretensioso chamado Michael Penn.

A música era por demais honesta, porque dela não poderia se esperar muito: No myth.

Melhor assim do que alimentar falsas ilusões…

Esse post foi publicado em Despontando para o anonimato e marcado , , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.